INÍCIO     |     NOSSA EMPRESA     |     ORIENTAÇÕES    |     MENSAGEIRO     |      ARTIGOS      |     ENTRETENIMENTO    |      BORKINFO     |     FAMÍLIA BORKENHAGEN

Início | Orientações | Saúde | Arquivos | O dom de ouvir - Parte 03

O dom de ouvir - Parte 03

Audição

 

Audição nas crianças

É preciso exercitar e desenvolver a audição nos bebês e nas crianças. Preste muita atenção caso seu filho não se mova, assuste, chore ou reaja a barulhos e sons inesperados ou ainda quando não move sua cabeça em direção ao som de sua voz. Caso isso aconteça leve-o ao pediatra ou ao seu otorrinolaringologista.

* Sempre escute e fale com o bebê, mesmo que ele não se importe, assim você estará mostrando como usar os lábios e a língua.

* Aprenda o significado dos choros e dos gestos corporais de seu filho.

* Ouça o som que ela faz ou balbucia e enquanto o veste, aproveite para ir falando as cores das roupas que está colocando nele, e até mesmo aproveite para conversar e contar histórias.

* Sempre o cumprimente cada vez que o ver. Chame-o pelo nome frequentemente.

* Quando ele estiver um pouco maior, cante para ele com uma voz suave e melodiosa, isso ajudará a acalmá-lo e confortá-lo. Não se preocupe caso não possua habilidades musicais. Seu bebê não perceberá isso.

* Quando for alimentá-lo, trocar as fraldas ou dar banho aproveite para contar a ele tudo o que está sendo feito e quais são seus objetivos com aquilo. Por exemplo, explicar a ele que você está trocando a fralda para deixá-lo limpinho.

* Sempre leia e conte histórias para o seu bebê, isso estimula sua inteligência e criatividade. Mostre a ele as ilustrações do livro infantil que está sendo lido. Isso o diverte e acalma.

 

Teste

Faça aqui um pequeno teste de audição. Seja sincero nas respostas.

(  ) Quando está num ambiente com muitas pessoas sente dificuldade para escutar uma conversa em tom de voz normal?

(  ) Quando conversa com alguém pede muitas vezes para que repitam o que acabaram de dizer?

(  ) Tem o costume de aumentar o volume da TV ou do rádio?

(  ) Evita convívio social: teatro, restaurantes, ir à igreja, cinema ou festas por sentir dificuldade em ouvir o que as pessoas estão falando?

(  ) Alguém da sua família em problemas de audição?

(  ) Já teve rubéola, sarampo ou caxumba?

(  ) Quando está ao telefone sente dificuldade para ouvir?

(  ) Você tem dificuldade em ouvir vozes de crianças?

(  ) As pessoas acham que você ouve mal?

 

Em caso de resposta afirmativa para 4 ou mais questões, pode ser um sinal de perda auditiva, mas os sintomas podem variar bastante de pessoa para pessoa, por isso esteja sempre atento e a qualquer sinal de dor ou incômodo ao ouvir, procure seu médico.

 

Dicas

 

Como cuidar melhor da audição

A seguir você irá encontrar algumas dicas para melhor cuidar da sua audição, da sua orelha e também da audição dos seus filhos, caso os tenha.

* No dia-a-dia, a orelha deve ser limpa apenas com a toalha após o banho, nunca introduza hastes de algodão ou outros objetos pontiagudos.

* Esses objetos podem causar compactação de cerume, pequenos ferimentos no conduto auditivo externo ou até rompimento da membrana do tímpano.

* Não os utilize nem mesmo para coçar o conduto auditivo. Portanto, a limpeza deve restringir-se à orelha.

* Um cuidado muito importante é em relação ao som. Evite ficar próximo de fontes de som alto, por exemplo, trios elétricos, sirenes, foguetes, caixas de som em shows, pois podem causar perdas auditivas irreversíveis.

* Evite o uso de fones de ouvido, porque podem desenvolver perdas auditivas ou piorar alguma doença já existente.

* Caso esteja em contato frequente a ruídos intensos, realize audiometria (exame que mede a capacidade auditiva) periodicamente.

* Não usar soluções e nem remédios caseiros na orelha, por exemplo óleos, cera de vela ou qualquer outra substância.

* Não fazer lavagens na orelha sem a indicação e orientação médica.

* Caso haja infecção ou perfuração do tímpano, não molhar a orelha em hipótese alguma.

* Redobrar o cuidado com as crianças, em se tratando de objetos pequenos, pois elas facilmente os colocam na orelha.

* Fique atento e repare se você tem a oclusão (fechamento) imperfeita das arcadas dentárias, porque isso pode provocar dores na orelha ou até problema na articulação tempo-mandibular a ATM.

* Evitar pingar medicamentos sem orientação do seu médico.

* Ao primeiro sinal de dificuldade auditiva, dor ou zumbido, procure seu médico de confiança.

 

Veja também as edições 01 e 02.

 

Agradecemos primeiramente ao Hospital IPO pelas cartilhas auto-explicativas, e procuramos sempre repassar ao leitor a forma mais breve e explicativa possível.

Agradecemos a paciência e a leitura desses três capítulos sobre a Orelha. Brevemente iniciaremos o primeiro capítulo sobre Nariz e cirurgia estética da face. Aguarde, e continue acompanhando as novidades.

Avenida Salvador Guerra, 80 - Jardim América - Foz do Iguaçu, PR | Fone/Fax: 45 3028 6464

Borkenhagen Soluções Contábeis Ltda.

Copyright © Desde 1997 - Direitos reservados