INÍCIO     |     NOSSA EMPRESA     |     ORIENTAÇÕES    |     MENSAGEIRO     |      ARTIGOS      |     ENTRETENIMENTO    |      BORKINFO     |     FAMÍLIA BORKENHAGEN

Início | Mensageiro | Meu maior vício é

Meu maior vício é

Espera aí! Eu não tenho vício!

Será mesmo?

O que dizer do troquinho que desaparece da carteira da mãe, com certa frequência? Ah, a mãe esquece de melhorar a mesada, então pego só um pouquinho para quebrar o galho.

O que dizer do chimarrão que tem de ser tomado todos os dias à mesma hora? É mero hábito! É tradição! Ah, mas e se ficar sem ele antes de viajar, faz diferença? Muita! Daí é fácil de dar um enjôo, ou dor de cabeça.

E o chocolate comido sem medida, ou às escondidas? Chocolate é energia! Às vezes reforço o organismo para encarar etapas mais difíceis. E se atacar o fígado? Faz mal não! Tem epocler e coisas do tipo pra dar um jeito no fígado.

Então o que dizer para a cervejinha que não pode faltar ao final do expediente? Ah, ela é só a realização do prazer. Está bem!

O que dizer para a caipirinha que não pode faltar antes do churrasco domingueiro? Ah, ela é apenas aperitivo para abrir o apetite.Também podemos acreditar.

Mas e a pinguinha, o ?font color="#800000">liso? que tem de ser tomado no boteco e não em casa ao final da tarde? Ah, ele é só para amainar os problemas do dia que ficaram sem solução, ou é para baixar a poeira que ficou na garganta, depois de um trabalho árduo, e para confraternizar com os amigos. É mesmo?

Tá, mas e o cigarro que você leva na carteira, é pra bonito? Não, o cigarro é para distrair, para acalmar a ansiedade, diante de tantos desafios que a vida propõe. Ah, é?! Se ficar sem ele por alguns dias não sentirá falta? Não é bem assim! Sem o cigarro, falta algo, claro, mas não me sinto dependente dele, só sinto a falta dele.

E o fuminho, o ?b>baseado?que é fumado um tanto quanto às escondidas, o que significa? Bom, o ‘baseado?só pode ser fumado mais em reservado porque tem gente que implica com ele, mas quem o consome se entende bem, no grupo. Ah, está! Então uma droguinha consumida às escondidas é só para evitar o contato com os intolerantes ao cheiro do material, né?!

E as seringas e agulhas utilizadas em grupo? Elas servem para adicionar ‘vitalidade?ao organismo! Mas por que fazem isso às escondidas? É porque a lei não está atualizada e a ‘vitalidade?que consumimos é considerada ilegal. Se ficar sem essa ‘vitalidade? tudo tranquilo? Não, cara! Sem essa ‘vitalidade?não dá, mas a gente não tem vício, só se fortalece.

É! Pensando bem, ninguém que proceda em contrário à lei, aceita ser chamado de viciado, mas um ‘diferente? Quando os ‘diferentes?se unem, ganham respeito, ganham apoio, são tratados como excluídos. Não se pode comentar algo a seu respeito pois quem o fizer pode ser punido.

Então em resumo: não há vício, mas há pessoas com comportamentos diferentes?!

Respeitamos os hábitos, a tradição, mas abominamos o vício, que mata!

Edvino Borkenhagen

 

A BORKENHAGEN, EM ABRIL, COMPLETOU 30 ANOS, DE APRENDIZADO!

A COLUNA MENSAGEIRO, EM MAIO, COMPLETOU 15 ANOS DE INFORMAÇÃO E CONHECIMENTO!

 

TEM GENTE QUE GOSTA DE VIVER, QUE VICIA!

A idade de uma pessoa pode representar o padrão de vida que tem vivido. Assim também a continuidade de uma organização pode representar que ela tem planejamento e boa gestão.

Na  BORKENHAGEN trabalhar é hábito, é realização!

BORKENHAGEN

Fone 3028-6464

O fone da contabilidade

 

Coluna do Mensageiro - Registro 0123526, 18/08/2003, Títulos e Documentos

ANO XVI, Mensagem 782

Veja na imprensa, em 19/07/2013, clicando aqui.
 

Avenida Doutor Damião, 80 - Jardim América - CEP 85864-400 - Foz do Iguaçu, PR | Fone/Fax: 45 3028 6464

Borkenhagen Soluções Contábeis Ltda.

Copyright © Desde 1997 - Direitos reservados